EnglishPortugueseSpanish

Galinhas têm a ensinar sobre propaganda e marketing, O que as (Marcelo Serpa, 2012)

Escola de Comunicação – ECO/UFRJ
Comunicação Social – Publicidade e Propaganda
Redação Publicitária para Mídia Impressa
 
Por: Marcelo Serpa
Não é de hoje que ouço, nos meios publicitários inclusive, a fábula que enaltece a Galinha por seus dotes comunicativos. Não conheço a origem da estória… Não sei quem criou… Nunca li nada publicado…
Mas sempre ouvi a tal estória que conta como a Galinha consegue “vender” mais e melhor o seu “produto”. Já procurei até na internet, e quase nada descobri. Umas poucas citações apenas sem nada de muito novo fosse esclarecido.
Assim resolvi contar a minha versão da estória: uma versão focada nos objetivos da minha palestra.
A GALINHA E A PATA
Era uma vez (uma boa fábula deve começar assim)… uma Galinha e uma Pata, muito empreendedoras. Numa bela manhã, Dona Pata, inspirada, desafia Dona Galinha:
Dona Pata:
– Bom dia, Dona Galinha!
Dona Galinha:
– Bom dia, Dona Pata!
Dona Pata:
– Soube que há uma feira na Granja, e resolvi fazer uma grana extra com os meus ovos…
Dona Galinha:
– Boa idéia, Dona Pata! Acho que vou fazer o mesmo.
Dona Pata:
– Ora, Dona Galinha… A senhora não acha mesmo que vai vender seus ovos, não é? Não enquanto houver ovos de pata à venda…
Afinal, os meus ovos são:
– enormes (até três vezes maiores que os das galinhas),
– contém mais calorias (129 Cal por ovo x 78 Cal dos ovos da galinha),
– ricos em claras gelatinosas (bons para confecção de bolos e sobremesas),
– mais nutritivos e saborosos,
– e elegantes…
Dona Galinha:
– Elegantes ?!?…
Dona Pata:
– Isso mesmo! Eu me certifico sempre de colocar meus ovos elegantemente em silêncio. Sem chamar a atenção de ninguém.
Dona Galinha, indignada com a “postura” da Dona Pata, retirou-se prometendo a si mesma que enquanto houvesse galinhas no mundo, sempre que se pedissem ovos no mercado, as pessoas estariam se referindo aos ovos de galinha.
E desde então, é como diz o velho ditado: “branco é, galinha o põe. (ovo)”
Peça ovos no mercado e você vai levar ovos de Galinha. Assim como Xérox, Durex, Jonhtex: são nomes que remetem à categoria…
E o que é que a Dona Galinha fez para conseguir chegar nesse ponto?
Apesar de produzir ovos menores, a Dona Galinha sabe se comunicar… E muito bem.
Dona Galinha canta, cacareja, faz tanta zoada, tanta presepada, que todo mundo fica logo sabendo que ela pôs mais um ovo…
Isso mesmo… Toda vez que coloca um ovo Dona Galinha canta bem alto, faz o maior estardalhaço. E as pessoas sabem quando os ovos da galinha estão disponíveis. Elas sabem quando e onde encontrá-los. É só seguir o barulho.
Moral da História
Nada funcionará se o produto não for anunciado.
Dona Pata põe um ovo enorme, mas fica calada e ninguém sabe de nada, porque ela não faz propaganda.
Dona Galinha põe um ovo até três vezes menor do que o da Dona Pata, mas sabe se comunicar muito bem. Cacareja, faz tanto barulho, chama a atenção e todo mundo fica logo sabendo, porque ela faz Propaganda.
Ou…
A Propaganda é a alma do negócio.

Increva-se

Pesquisa

Professor Marcelo Serpa
Escola de Comunicação da UFRJ
Campus Praia Vermelha
Palácio Universitário

Tel.: +55 21 98275-5555
E-Mail: marcelo.serpa@eco.ufrj.br
                        serpa.br@gmail.com

Como chegar à

© 1997-2020 Marcelo Serpa - MS Comunicação. Todos os direitos reservados

Developed by D4W